• Apipa

Reconheça 10 sinais de estresse para ajudar seu cachorro

Existem alguns sinais muito claros que nos podem alertar se o nosso cachorro está sofrendo de estresse. Lendo este artigo, você vai poder identificar se o seu melhor amigo está passando por algum problema que pode desencadear esse transtorno.

Como os humanos, os cães podem experimentar sinais fisiológicos de estresse, como alterações respiratórias – o animal fica ofegante, apresenta respiração lenta ou superficial, baba, treme ou transpira excessivamente pelas patas. Seu comportamento geral também pode mudar. (Foto: Perito Animal)

Vamos mostrar para você os 10 sinais de estresse em cães que, de forma individual ou conjunta, podem traduzir-se em um grave problema emocional que repercute diretamente no seu bem-estar e, por vezes, afetando a sua saúde.


Descubra se o seu cachorro está sofrendo de estresse e como você pode ajudá-lo.


Identificando os sinais


1. Hiperatividade

É comum que os cachorros estressados tenham um comportamento hiperativo. São incapazes de estar tranquilos e, a longo prazo podem começar a morder móveis e qualquer utensílio que encontrarem à sua frente para liberar a tensão acumulada.


2. Aparecimento de estereotipias

As estereotipias são movimentos repetitivos constantes que o cachorro leva a cabo sem um fim determinado. Existem muitos tipos de estereotipias: podemos ver os cachorros que mordem a cauda, que caçam animais invisíveis, que ladram sem parar... São hábitos repetitivos e incessantes.


3. Reações exageradas

Talvez o seu cão já latisse um pouco demais, comesse tudo o que vê pela frente, coisas do solo ou talvez reagisse perante a presença de outros cachorros no passado. Independentemente dos seus hábitos, se vir agora o seu comportamento mais intenso, deve ter em atenção, pois num cachorro estressado as reações ficam intensificadas.


4. Salivação e lambidas

Se vir que o seu cachorro se lambe e saliva de forma exagerada será fundamental perceber se é um hábito que leva a cabo de forma repetitiva e constante, ou não. Pois este é um dos sinais de estresse no cachorro que deve ter em conta.


5. Falta de atenção

Os cães estressados sofrem de um nervosismo generalizado, que os faz ter dificuldade para se concentrar, prestar atenção, seguir as nossas ordens de obediência... No entanto, se o seu cachorro apresentar uma falta de atenção generalizada e desde sempre (não apenas agora que está estressado), poderia avaliar junto do seu veterinário se é o caso de um problema de deficit de atenção.


6. Ofegar em excesso

Ofegar é a ferramenta que os cachorros utilizam para expulsar o calor do corpo. Se vir o seu cachorro a ofegar em situações nas quais deveria estar tranquilo é provável que esteja estressado e precise de aliviar a tensão que sente. Por vezes ofegar pode estar acompanhado por sons de tristeza e lamentações.


7. Reatividade ou fuga

O cachorro estressado costuma se sentir muito incômodo perante uma situação desconhecida ou que lhe esteja causando estresse. Se, por exemplo, o seu cachorro sofre de estresse ao se encontrar com outros cães, cada um destes encontros farão com que reaja exageradamente. Isso fará com que tente fugir ou que reaja de forma muito negativa a este estímulo (seja uma pessoa, um ambiente, um objeto ou uma situação em concreto).


8. Perda de pelo

A perda de pelo costuma ocorrer em casos de estresse crônico, em que o cachorro começa a sentir-se afetado fisicamente pela situação que está sofrendo. Se vir que o seu cachorro começa a perder pelo por pura ansiedade deve consultar o quanto antes o veterinário. Também pode perder pelo por se lamber compulsivamente ou por arrancar o pelo diretamente com os dentes. Atue o quanto antes, o seu cão envia-lhe sinais de emergência.


9. Rigidez muscular

Especialmente nas situações em que lhe causam estresse poderá observar o cachorro mais tenso e rígido que o habitual. É habitual observar a cauda e as extremidades em tensão, esperando que aconteça alguma coisa significativa.


10. Mudanças de comportamento

Terminamos a lista com um problema habitual: as mudanças de comportamento. É muito comum que os cães que sofrem de estressem comecem a desenvolver comportamentos que nunca tinha mostrado, como agressividade, timidez, depressão, fobias... Mas ao invés de as mostrar em situações concretas começam a fazê-lo de forma generalizada. Este é um dos sinais mais reveladores de estresse no cachorro.


Como ajudar um cachorro estressado


Se acredita que o seu cachorro está muito estressado, recomendamos que consulte o quanto antes um etólogo ou educador canino. Ambos os profissionais podem ajudá-lo e guiá-lo com conselhos e dicas úteis para o seu caso. Além disso, podem ajudá-lo a identificar a causa que está causando estresse no seu cachorro.


Cachorros estressados são uma realidade mais comum do que muita gente imagina. No vídeo, abaixo, o Perito Animal dá dicas importantes e comenta acerca do estresse em cachorros, apontando as formas de você ajudar o pet para que ele preserve seu bem-estar.


Assista ao vídeo / Perito Animal


Dez dicas para que seu cachorro seja mais feliz a seu lado


Ajude a APIPA


APIPA inicia vaquinha virtual com objetivo de quitar elevadas dívidas em clínicas veterinárias. Para participar nesta corrente de amor e solidariedade e dar a sua contribuição para nos ajudar a pagar as nossas dívidas, pedimos que acesse a página da campanha na Kickante para fazer a sua doação à APIPA. Participe e nos ajude agora (link abaixo)!


Ajude! Vaquinha arrecada fundos para quitar dívidas da APIPA


Vaquinha: chame 2 amigos para doarem com você e ganhe brinde da APIPA


Abandono de animais aumenta e APIPA pede ajuda em Teresina


AJUDE os animais carentes do abrigo da APIPA


Para adotar um amiguinho em Teresina, conheça o abrigo de animais carentes da APIPA.


Com informações do Perito Animal

APIPA® - ASSOCIAÇÃO PIAUIENSE DE PROTEÇÃO E AMOR AOS ANIMAIS

CNPJ: 10.216.609/0001-56

BANCO DO BRASIL
Ag: 3507-6 / CC: 57615-8

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
Ag: 0855 / Op: 013 / CP: 83090-0

BANCO SANTANDER
Ag: 4326 / CC: 13000087-4

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon

contato.apipa@gmail.com

Rua Trinta e Oito, 1041 - Loteamento Vila Uruguai - Bairro Uruguai (6 quadras após a UNINOVAFAPI)

Teresina, PI - CEP 64073-167

COPYRIGHT © 2018

Site criado pela Pix Marketing Digital

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon