top of page

Pet NÃO é BRINQUEDO nem PRESENTE: criança não está apta a cuidar

Atualizado: 13 de out. de 2022

Esteja ciente, animal NÃO é BRINQUEDO nem PRESENTE, pois não é um objeto a ser oferecido como agrado. Neste Dia das Crianças, não presenteie os pequenos com animais de estimação, pois eles são seres sencientes dignos de respeito e que precisam do nosso cuidado e proteção. Existem muitas opções de brinquedos para se ofertar às crianças. O costume de presentear com animais faz parte de uma cultura ultrapassada e equivocada que devemos evitar e abolir.


Não se sabe ao certo o número, mas é inegável que depois das festas tradicionais como Páscoa, Natal, Dia das Crianças, entre outras, há um aumento significativo no número de pets abandonados pelas ruas, clínicas, parques, abrigos, etc. A famigerada cultura de se presentear as pessoas com animais de estimação aparece como um dos principais fatores que contribuem para esse flagelo. (Foto: Foto: Fórmula Animal)

Existe uma cultura em datas especiais, como Dia das Crianças, Páscoa e Natal, de presentear crianças, namorados e amigos com animais de estimação. Apesar de existir todo um trabalho desenvolvido por ONGs e protetores, com objetivo de promover a conscientização acerca dos direitos e respeito aos animais, isso ainda acontece. É preciso fortalecer a ideia de que 'PET NÃO É BRINQUEDO NEM PRESENTE', pois são seres vivos sencientes que precisam de um lar responsável, com tutores conscientes para assumir o sério compromisso da adoção. Hábitos culturais são mudados com muito esforço e aos poucos. Por isso, hoje vamos falar sobre essa mudança e você pode fazer diferente a partir desta data.


Por que pet não é presente?


Em filmes românticos ou de infância, é comum assistirmos pessoas presenteando seus parceiros e crianças com animais de estimação. Aqui na vida real mesmo, você já notou que sempre se escuta “ela ganhou um cachorro”? Formou-se assim uma cultura de presentear com cachorros e gatos. Acontece que adotar um pet requer muita responsabilidade, algo que dificilmente é ensinado ou levado em consideração no momento de oferecer o 'presente'.


Mesmo quando uma criança quer muito um animal de estimação, é necessário explicar que ele é um ser vivo, falar sobre tudo que ele vai precisar e sobre as tarefas do dia a dia. Uma criança precisa estar devidamente conscientizada acerca das responsabilidades que envolvem a adoção de um pet, pois isso vai ensiná-la sobre escolhas e a ter consciência de suas obrigações e deveres.


Animais de estimação não são brinquedo nem devem ser tratados como tal, um objeto que se usa e deixa de lado ou descarta. Nessa lógica, os animais são seres que precisam ser respeitados e jamais devem ser considerados como coisas que podem ser transformadas em presentes. Vamos listar, abaixo, algumas características que corroboram a afirmação de que PET NÃO É BRINQUEDO NEM PRESENTE, para que você nunca se deixe levar por essa cultura ultrapassada e equivocada. Confira:

  • pets precisam de cuidados básicos com a alimentação;

  • eles podem adoecer e precisam de consultas veterinárias, remédios e até cirurgias;

  • um pet, sem receber a devida atenção e carinho do seu tutor, pode sofrer e ficar deprimido;

  • eles precisam ter seu próprio espaço, com conforto e segurança;

  • cachorros precisam de frequentes passeios para se exercitar e socializar;

  • eles precisam de cuidados sanitários diários, pois defecam e urinam;

  • animais de estimação não deixam de existir quando você precisa sair de casa ou vai viajar;

  • eles não podem ter livre acesso à rua;

  • precisam de vacinas durante toda a sua vida;

  • necessitam de companhia e diversão;

  • e muito mais.


Imagem: Fórum Animal

PET NÃO É BRINQUEDO NEM PRESENTE, pois não é como um carrinho, uma boneca ou um buquê de rosas. A responsabilidade é diária e por toda a vida do animal, com atenção, custos e laço afetivo. Eles merecem um lar e tutores que os queiram e os amem. Por isso, jamais presenteie crianças com animais. Se você quer mesmo oferecer um animal de presente a alguém, essa pessoa deve ser adulta e estar devidamente conscientizada acerca das responsabilidades e compromisso que vai assumir. Caso ela queira realmente tutelar um pet, convide-a a visitar um abrigo de animais ou a conduza até uma feira de adoção. Agindo assim, você vai contribuir para a realização de uma adoção responsável, conseguindo uma família para um animalzinho carente. Este seu ato, certamente, será lembrado com mais carinho e cumplicidade no futuro.



Faça um gesto de amor pelos animais da Apipa


CONTA BANCÁRIA DA APIPA PARA DOAÇÕES CNPJ: 10.216.609/0001-56


Banco do Brasil Ag: 3507-6 / CC: 57615-8 Chave Pix: apipa.bbrasil@gmail.com


Faça uma DOAÇÃO às 'CRIANÇAS' da Apipa



Ajude a Apipa adquirindo os nossos modelos exclusivos de camisas


Concorra a um MEGA PRÊMIO por apenas R$ 5,00






Neste 2022, vote consciente, vote pelos animais!


Em ano eleitoral, muitos candidatos se apresentam como defensores dos animais, com o intuito de conseguir votos. O eleitor precisa ficar atento para não ser enganado por políticos oportunistas, sabendo identificar os candidatos verdadeiramente comprometidos com a causa animal. Fique alerta!





Campanha: coleta de doações para o abrigo da Apipa



ANIMAIS VIVENCIAM INSEGURANÇA ALIMENTAR - VEJA COMO AJUDAR








Ajude a Apipa - situação de emergência








Solidarize-se com os animais da APIPA

Solidarize-se com os cães e gatos carentes assistidos pela APIPA. O nosso centro de acolhimento está sempre superlotado, operando com o dobro de sua capacidade, sendo necessário que se faça coletas diárias de doações de ração, material de limpeza, medicamentos veterinários e jornais. Um dia de consumo de ração no abrigo equivale a 25 kg para os cães adultos e entre 12 e 15 kg para os gatos, sem contar os filhotes. Para fazer a higienização do abrigo, usamos diariamente 5 litros de desinfetante e 5 litros de detergente, além de muito saco de lixo, esponjas, vassouras e rodos. O amigo interessado em ajudar pode entregar os donativos diretamente na sede da Entidade, ou ainda, se preferir, fazer as doações em dinheiro por meio de depósitos bancários (contas abaixo).

Devido à pandemia, as visitas ao abrigo da APIPA sofreram algumas restrições, sendo agora necessário que o visitante faça prévio agendamento por meio do Instagram. Castrar é preciso: apadrinhe uma castração no abrigo da APIPA Guarda Responsável de Animais: assumindo uma vida

Como ajudar a APIPA

Existem diversas formas com as quais o amigo pode participar para contribuir com o trabalho assistencial da APIPA. Um modo bem simples e rápido de ajudar é fazer as doações em dinheiro por meio de transferência/depósito bancário (contas abaixo). O amigo também pode fazer doações (online) por meio do PagSeguro. Lembrando que a nossa associação sobrevive unicamente de doações. Não deixe de oferecer a sua solidariedade em prol do bem-estar dos nossos bichinhos carentes. Ajude-nos! Ajude! APIPA pede que as doações continuem durante pandemia Pandemia: APIPA sofre com redução de 70% nas DOAÇÕES ao abrigo CONTAS BANCÁRIAS DA APIPA (doações) CNPJ: 10.216.609/0001-56

  • Banco do Brasil Ag: 3507-6 / CC: 57615-8 Pix: apipa.bbrasil@gmail.com

  • Caixa Econômica Federal Ag: 0855 / Op: 013 / CP: 83090-0 Pix: apipa.cef@gmail.com

  • Banco Santander Ag: 4326 / CC: 13000087-4

Comentarios


bottom of page