top of page

Morre Paty, cadelinha paraplégica assistida pela Apipa

É com tristeza e pesar que viemos informar o falecimento da nossa querida cadelinha Paty, acolhida e assistida pela Apipa desde que foi abandonada e lesionada por humanos perversos e cruéis, há cerca de sete anos. Paty protagonizou uma triste e lamentável história de dor e sofrimento.


Querida Paty, descanse em paz! (Foto: Apipa®)

A Associação Piauiense de Proteção e Amor aos Animais (APIPA) vem informar que a cadelinha Paty faleceu, nesta segunda-feira, 31 de janeiro. A cachorrinha foi resgatada e acolhida por esta Instituição de proteção animal, há cerca de sete anos, quando foi barbaramente abandonada após ficar prenhe, sendo despejada no lixo e brutalmente agredida, ficando paraplégica em decorrência das graves lesões que sofreu. Desde então, na condição de um animal com necessidades especiais, Paty se tornou hóspede permanente do abrigo, recebendo o nosso amor e todos os cuidados necessários à manutenção do seu bem-estar, incluindo assistência veterinária e tratamento fisioterapêutico constantes.


Como todo animal carente acolhido em abrigo, Paty também sonhava em um dia ser adotada por uma família amorosa e responsável. Lamentavelmente, devido a sua condição de extrema dependência, a cachorrinha não teve o seu desejo realizado. Mesmo assim, apesar desta frustração, enquanto um animal assistido pela Apipa, a cadelinha teve as suas dores atenuadas e o seu sofrimento minimizado ao longo dos anos em que esteve conosco, recebendo a merecida atenção, o amor e o carinho de todos que compõem a equipe de trabalho desta Entidade. Querida Paty, descanse em paz!


Adote um animal carente. Faça um gesto de amor pelos animais da Apipa. (Foto: Apipa®)


Conheça mais sobre a história de dor protagonizada por Paty, acessando o link abaixo:



Faça um gesto de amor pelos animais da Apipa


CONTA BANCÁRIA DA APIPA PARA DOAÇÕES CNPJ: 10.216.609/0001-56


Banco do Brasil Ag: 3507-6 / CC: 57615-8 Chave Pix: apipa.bbrasil@gmail.com

Comments


bottom of page