• Apipa

Cuidados com felinos: já pensou ter um gato como melhor amigo?

A médica veterinária Ana Gabriela Moura explica os cuidados que os gatos precisam. Jovem supera trauma com ajuda de gato e faz tatuagem em homenagem ao amigo felino. E você, já pensou em ter um gato como melhor amigo? Veja como lidar com este animal independente e vaidoso.

O cuidado vai além do carinho. Tenha atenção especial com a alimentação, sem esquecer-se de cuidar da saúde do felino. À direita, tatuagem em homenagem ao pet que ajudou a jovem na superação de um luto. (Imagens: TV Clube)

Mesmo independentes, gatos são ótimas companhias e precisam de carinho, cuidados e uma atenção especial. Diferente dos cães, que são mais apegados a seus tutores, os gatos são animais mais independentes e escolhem a hora e o local que desejam receber carinho. Esse seu jeito peculiar de ser às vezes até assusta, mas faz parte da personalidade do bicho.


Assista ao vídeo / TV Clube


A estudante Clara Diniz tem uma história especial com esses animais. Ela explica que ter a companhia de um animal de estimação ajudou a superar o luto. “Eu namorava uma pessoa que faleceu. E ela surgiu na minha vida como uma companhia. Naquele momento ela foi minha companhia, minha psicóloga, uma amiga e tudo o que eu precisava naquele momento”, conta.


Para a médica veterinária Ana Gabriela Moura, o gato ainda conserva muito do seu instinto primitivo e ainda se considera um caçador. Por esse motivo é importante ter cuidado ao lidar com o bichinho. “Eles escolhem quando e onde querem receber carinho. Tem pontos estratégicos que o gato gosta que o dono pegue e isso depende de cada felino, por isso, é importante que o dono seja atento e identifique esses momentos em que o gato demonstra que quer carinho”, explica.


Para a veterinária, o cuidado deve ir além do carinho e, para uma boa convivência, é importante que o tutor se preocupe com a saúde do animal, alimentação e demais cuidados básicos. “As pessoas acham que pelo gato ter essa característica mais independente não precisa ter um cuidado com as vacinas, mas isso é um mito e é necessário vacinar o gato contra todas as viroses que o animal possa ter, além de levá-lo constantemente ao veterinário”, informa.


Segundo a vendedora Fátima Leite, até para os tutores de primeira viagem, existem materiais básicos para o cuidado com o felino. “É um kit básico para o felino. Nele é incluso a bandeja higiênica, a pazinha, a areia e brinquedos para que o animal possa se exercitar”, diz ela.


Alguns cuidados essenciais que os gatos precisam


Normalmente, os gatos dormem a maior parte do tempo e vivem ronronando pelos cantos. Mas nada disso quer dizer que não estejam nem aí para você. Ao contrário do que algumas pessoas pensam, eles adoram receber atenção. O jeito de ser dos felinos não se compara ao comportamento dos cachorros, pois são pets com personalidades bem diferentes, mas, a seu modo, eles também podem ser muito apegados ao tutor.


Diferentemente do que ocorre com os cães, você não tem muito domínio sobre a rotina dos gatos, mas, como é de sua natureza, eles se adaptam aos horários da casa. Os felinos também dispensam passeios diários. Porém, precisam de outros cuidados básicos, como você verá a seguir.


Higiene

Via de regra, você não precisa ensinar um gatinho onde fazer cocô nem xixi. Por instinto, ele irá direto para a caixa de areia e, depois, enterrará a sujeira. Nem por isso sua casa ficará livre de odores desagradáveis, isto é, se você não mantiver a caixa limpa.


Alimentação

A ração deve ser específica para gatos e ficar sempre à disposição dele. E saiba: aquele pratinho de leite das histórias infantis pode ser dispensado. Até porque alguns gatos não digerem bem esse alimento e ficam, isso sim, com uma baita diarreia. Água, por sua vez, deve ser oferecida em abundância e em recipientes largos. Gatos odeiam encostar o bigode nas laterais da vasilha!


Vacinas

Como todo animal de estimação, os gatos não devem perder as consultas periódicas ao veterinário, muito menos ficar com a vacinação em atraso.


Aos tutores de primeira viagem


Aqui listamos algumas dicas para quem nunca cuidou de um gato e quer manter seu novo companheiro saudável:

  • Gatos lixam as unhas, especialmente se não estiverem bem aparadas. E para isso arranham pés de sofá, de mesa… Você evitará estragos na mobília se deixar por perto um pedaço de tronco ou arranhadores especiais, vendidos em pet shops.

  • Evite grandes mudanças – de decoração ou de endereço. O gato é territorialista por natureza e reage mal quando seu ambiente é totalmente modificado.

  • Ele se esconde nos locais mais inusitados. Assim, não leve um susto se um dia encontrá-lo em gavetas, sob a sua cama ou em cima do guarda-roupa – até porque ele gosta de vigiar o tutor de locais altos.

  • Você pode impedir as escapadas noturnas instalando telas nas janelas ou castrando o bichano – aí, ele não irá buscar parceiros nas ruas.

  • Nunca faça comparações com o cachorro. Cada um com seu temperamento.


Gato também precisa de prevenção contra parasitas


Como ajudar a APIPA


Existem diversas formas com as quais o amigo pode participar para contribuir com o trabalho assistencial da APIPA. Um modo bem simples e rápido de ajudar é fazer as doações em dinheiro por meio de transferência/depósito bancário (contas abaixo). O amigo também pode fazer doações (online) por meio do PagSeguro. Lembrando que a nossa associação sobrevive unicamente de doações. Não deixe de oferecer a sua solidariedade em prol do bem-estar dos nossos bichinhos carentes. Ajude-nos!


Ajude! Falta ração para alimentar mais de 300 animais famintos


CONTAS BANCÁRIAS DA APIPA (doações)


CNPJ: 10.216.609/0001-56

  • Banco do Brasil Ag: 3507-6 / CC: 57615-8

  • Caixa Econômica Federal Ag: 0855 / Op: 013 / CP: 83090-0

  • Banco Santander Ag: 4326 / CC: 13000087-4


Abandono de animais aumenta e APIPA pede ajuda em Teresina


AJUDE os animais carentes do abrigo da APIPA


Para adotar um amiguinho em Teresina, conheça o abrigo de animais carentes da APIPA.


Com informações da TV Clube

APIPA® - ASSOCIAÇÃO PIAUIENSE DE PROTEÇÃO E AMOR AOS ANIMAIS

CNPJ: 10.216.609/0001-56

BANCO DO BRASIL
Ag: 3507-6 / CC: 57615-8

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
Ag: 0855 / Op: 013 / CP: 83090-0

BANCO SANTANDER
Ag: 4326 / CC: 13000087-4

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon

contato.apipa@gmail.com

Rua Trinta e Oito, 1041 - Loteamento Vila Uruguai - Bairro Uruguai (6 quadras após a UNINOVAFAPI)

Teresina, PI - CEP 64073-167

COPYRIGHT © 2018

Site criado pela Pix Marketing Digital

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon