• Apipa

Alerta: detergente e álcool em gel prejudicam animais

Atualizado: Mai 5

Veterinária faz alerta: tutores estão utilizado álcool em gel e detergente para higienizar a pata dos pets, mas esses produtos podem causar queimaduras e lesões.

As patas dos animais devem ser higienizadas com água e sabão, ou xampu para pets. Especialistas não recomendam a utilização de álcool (em gel ou líquido) e/ou detergente, pois tais substâncias podem ser perigosas à saúde deles. (Imagem: AFP TV)

Com a chegada da pandemia causada pelo novo coronavírus muitas pessoas têm redobrado o cuidado com a higiene, fazendo o uso de máscaras e lavando as mãos com frequência. Com isso, o cuidado também tem sido tomado com os pets, entretanto, muitos tutores, após fazerem pequenos passeios com seus animais, estão higienizando as patinhas dos cães com detergente ou álcool em gel, duas substâncias perigosas para a saúde dos bichinhos.


Assista ao vídeo / Estadão


Alerta do CFMV: pets não precisam de máscaras ou testes para Covid-19


A médica veterinária especializada em dermatologia, Roberta Azevedo, conta que o pH da pele dos animais é diferente dos humanos. Com isso, o tecido da pele da patinha do bichinho é bastante fino e sensível, podendo sofrer ressecamentos e queimaduras ao entrar em contato com os dois produtos de limpeza.


“O detergente consegue ressecar e tirar a proteção da pele dos humanos, logo, ele faz o mesmo com a dos pets. Mas o principal problema é que a pele do cachorro, por exemplo, consegue ser dez vezes mais fina que a nossa, então os danos para eles serão também maiores, podendo apresentar até mesmo queimaduras, pois é como se fosse um ácido para o animal”, afirma.


Roberta conta ainda que esses produtos retiram toda a capa de proteção natural que existe na pele e nas patas do animal, deixando o pet exposto a vários tipos lesões. Logo, a veterinária alerta que a rotina de higienização dos pets deve ser diferente e com produtos indicados para o ato.


“Os animais não transmitem o coronavírus. O que pode acontecer é o vírus pousar no animal. Então o tutor deve higienizar o animal por completo. O que eu recomendo é o shampoo à seco ou lenços higiênicos próprios para pets. Esses produtos possuem um composto chamado cloreto de benzalcônico, que age como um desinfetante, sem agredir a pele do animal”, afirma.


CFMV: como cuidar dos animais durante pandemia do coronavírus


Mudança de atitude


O casal Rejane Moura e Davi da Mata reduziram o número de saídas com a cachorrinha deles, a Duda. Mas no início da quarentena, apenas deixavam um pano com desinfetante na porta para que ao entrar na residência, após os passeios, a pet pisasse em cima. Com o tempo, perceberam que o procedimento não era o ideal e passaram a usar lencinhos umedecidos.


“Nós colocávamos o pano com desinfetante no chão e fazíamos a Duda andar em cima dele. Mas logo percebemos que além disso não limpar direito, o desinfetante poderia fazer mal à ela, então optamos por fazer o uso dos lenços umedecidos”, pontuam. O novo hábito tem oferecido um grau de higiene muito maior para a pequena Duda e também aos tutores.


Saiba o que são as coronaviroses canina e felina


Coronavírus e pets: perguntas e respostas sobre cuidados


Abril Laranja: prevenção da crueldade contra animais


Como ajudar a APIPA


Existem diversas formas com as quais o amigo pode participar para contribuir com o trabalho assistencial da APIPA. Um modo bem simples e rápido de ajudar é fazer as doações em dinheiro por meio de transferência/depósito bancário (contas abaixo). O amigo também pode fazer doações (online) por meio do PagSeguro. Lembrando que a nossa associação sobrevive unicamente de doações. Não deixe de oferecer a sua solidariedade em prol do bem-estar dos nossos bichinhos carentes. Ajude-nos!


Pandemia: APIPA sofre com redução de 70% nas DOAÇÕES ao abrigo


Faça a sua doação de ração para cães e gatos:

Ajude! Falta ração para alimentar mais de 300 animais famintos


CONTAS BANCÁRIAS DA APIPA (doações)


CNPJ: 10.216.609/0001-56

  • Banco do Brasil Ag: 3507-6 / CC: 57615-8

  • Caixa Econômica Federal Ag: 0855 / Op: 013 / CP: 83090-0

  • Banco Santander Ag: 4326 / CC: 13000087-4


Abandono de animais aumenta e APIPA pede ajuda em Teresina


AJUDE os animais carentes do abrigo da APIPA


APIPA suspende temporariamente as visitas e adoções de animais, em cautela à pandemia de coronavírus. No entanto, vem lembrar aos amigos que a rotina interna em seu centro de acolhimento continua com seu funcionamento normal, pois não pode parar. Pedimos que continuem ajudando, fazendo as doações.


Ajude! APIPA pede que as doações continuem durante pandemia


Para adotar um amiguinho em Teresina, conheça o abrigo de animais carentes da APIPA


As adoções tinham sido temporariamente suspensas por conta da pandemia. Atendendo a pedidos de amigos, a APIPA já começa a disponibilizar alguns animais para adoção. Confira mais informações em post no Facebook.


Com informações de É O BICHO!

APIPA® - ASSOCIAÇÃO PIAUIENSE DE PROTEÇÃO E AMOR AOS ANIMAIS

CNPJ: 10.216.609/0001-56

BANCO DO BRASIL
Ag: 3507-6 / CC: 57615-8

CAIXA ECONÔMICA FEDERAL
Ag: 0855 / Op: 013 / CP: 83090-0

BANCO SANTANDER
Ag: 4326 / CC: 13000087-4

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon

contato.apipa@gmail.com

Rua Trinta e Oito, 1041 - Loteamento Vila Uruguai - Bairro Uruguai (6 quadras após a UNINOVAFAPI)

Teresina, PI - CEP 64073-167

COPYRIGHT © 2018

Site criado pela Pix Marketing Digital

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon
  • Black YouTube Icon